BLOG

Produtos

Conheça os modelos de torneira Incepa e saiba qual escolher

21/08/2018

Seja na cozinha ou no banheiro todo mundo precisa passar pelo momento de escolha da torneira que irá compor o ambiente. Como existem diversos modelos, cada qual com a sua finalidade, a Incepa separou algumas dicas que irão  te auxiliar nesse processo de escolha e de instalação da torneira da sua casa.

Começando pelo básico: torneira simples ou misturador?

O misturador serve para fornecer tanto água quente quanto água fria. Você pode optar por abrir apenas uma saída de água ou misturar as duas para atingir uma temperatura agradável.  A água quente na torneira da pia irá facilitar a remoção de gorduras da louça. E vale lembrar que para utilizar a água quente do misturador, você precisa de um aquecedor instalado em sua casa.

No site da Incepa você pode encontrar uma série de modelos de misturadores, com acabamento cromado biníquel. O misturador da linha Boss da Incepa é um deles: por ser extremamente versátil, você pode instalar tanto no banheiro quanto na cozinha.

Se você não possui aquecimento central na sua casa, o ideal é investir na torneira simples que possui apenas uma manopla que libera o controle de saída de água, sempre fria. As torneiras de mesa Boss possuem uma super resistência à corrosão, maior durabilidade e um design exclusivo.

Onde fixar a torneira?

As torneiras podem ser fixadas na bancada ou na parede. Se você tem dúvidas de onde irá instalar esse item, a recomendação é analisar primeiro onde ficam as tubulações do banheiro e/ou cozinha bem como os modelos de louças que você possui.

Se você quiser manter o clássico e investir em torneiras de mesa, confira o site da Incepa e conheça os diversos modelos disponíveis.

Torneira de bica alta ou bica baixa?

Para a cozinha, a melhor escolha é a torneira de bica alta que não ocupa espaço dentro da pia e te dá a liberdade de lavar a louça sem esbarrar em nada.

Já para o banheiro, o ideal é instalar uma torneira que tenha fluxo de água direcionado para o ralo. Nesse caso, você pode escolher a torneira de bica baixa. Neste caso, basta existir um espaço para que você consiga lavar a mão ou escovar o dente sem esbarrar na torneira.

A altura da torneira deve ser proporcional ao tipo de cuba que você escolheu. Os modelos de bica alta são recomendados para cubas de apoio, por exemplo, enquanto as de bica baixa são excelentes para cubas de sobrepor ou de embutir.

Você pode encontrar alguns modelos de torneiras de bica alta e baixa na linha Art da Incepa, que podem ser instalados tanto na parede quanto na bancada. Todas as torneiras são produzidas em metal com acabamento cromado e garantem a eficácia e praticidade que você precisa no seu dia a dia.

 

E o arejador?

Essa é uma peça que fica acoplada a torneira facilitando a saída de um volume maior de água, evitando os respingos e reduzindo o desperdício.

O arejador é uma peça fundamental para quem quer economizar água e consequentemente dinheiro.

A torneira de mesa da linha NEO da Incepa tem o arejador embutido e traz mais elegância ao ambiente. Já a torneira da linha Zip, que deixa o arejador a mostra, segue o padrão comum de metais para banheiros e pode se encaixar perfeitamente, trazendo o clássico das torneiras, para a decoração do seu espaço.

Dica extra: Como funciona a limpeza da torneira?

Depois de todo trabalho para escolher o melhor modelo de torneira, é importante você saber que a limpeza é bem simples. No metal, o uso de detergente neutro já dá conta do recado. Só evite usar buchas ásperas - o famoso "lado verde da espoja de pia - ou palha de aço na peça, pois, pode danificá-la.

Para o arejador, a dica de limpeza é: Quando você perceber que o fluxo de água está mais fraco do que o normal, esta peça pode estar com sujeira. Para consertar isso basta limpá-lo, pois com o tempo ele pode ficar entupido com os detritos.

Para realizar essa limpeza, primeiro, garanta que o registro esteja fechado e o ralo da pia tampado, pois isso evita que pequenas peças rolem esgoto abaixo. Pegue um alicate, e remova-o cuidadosamente. Retire as peças internas do arejador com o auxílio de um alicate de pontas finas, mas certifique-se antes de que você sabe o lugar de cada peça para colocá-los novamente depois.

Para limpar o arejador, utilize vinagre. Você pode deixar a peça de molho por aproximadamente 30 minutos. Inspecione a peça para verificar se não ficou nenhuma sujeira e depois disso lave com detergente neutro e muito cuidado. Reposicione  as peças como estavam antes.

E ai? Descobriu qual o modelo de torneira é o ideal para cada ambiente da sua casa?

VOLTAR PARA O TOPO